domingo, 10 de janeiro de 2010

NEM PESSOA, NEM CHICO.

SE EU FOSSE FERNANDO PESSOA, ESCREVERIA UM POEMA TÃO LINDO E SENTIMENTAL, TÃO DOCE E SOBRE TEU OLHAR, QUE VOCÊ NÃO IA ACREDITAR QUE EU TIVESSE ESCRITO, QUE FOSSE EU O AUTOR.


SE FOSSE FORTE TE PORIA NOS BRAÇOS, E TE BALANÇARIA E RIRÍAMOS MUITO.


E SE EU PEGASSE O VIOLÃO E TE FIZESSE UMA CANÇÃO BUARQUIANA?





NÃO SOU PESSOA, NÃO SOU FORTE, NEM SOU CHICO.





POSSO FAZER, E ISSO APRENDI COMIGO, NÃO FOI NEM PESSOA, NEM CHICO, UM POEMA TÃO SEM BRILHO, TÃO SEM GRAÇA, QUE TE FAÇA CHORAR, OU RIR. E O PRANTO OU RISO, NÃO ME IMPORTO, SERIA TUDO.



E SE EU PUDESSE SER O QUERIA, SER RICO, OU SALVAR VIDAS, OU CONTRABANDISTA, QUEM SABE UM ANJO?

NADA, PREFIRO SER EU MESMO, PARTILHAR CONTIGO MINHA DOR, MEU RISO, MINHAS PONTES E MEU PAI. E VENDO ISSO, SENTINDO MOSTRAR QUE QUANDO ESTOU COM DOR, CHORO, MAS QUE SOU MAIS RISO, MAIS DEBOCHE, SOU O ESTÁ DEPOIS DA MORTE E REMETE AO PRINCÍPIO DE TUDO. O QUE VEIO, TE AMOU, O QUE VOCÊ QUIS GUARDAR, MAS NÃO DEU, NÃO DÁ, POR QUE NÃO CAIBO EM UM SÓ LUGAR.

ME MOSTRE UM LUGAR, UM QUERER, UMA MÚSICA, UMA COISA QUE MESMO NÃO PODENDO SER, NÃO PODENDO DAR, EU POSSA PARTILHAR.

Um comentário:

Mirse Maria disse...

Well, você diz que não é poeta, mas me emocionou essa postagem poética sim!

Tocou-me esta parte:

"PARTILHAR CONTIGO MINHA DOR, MEU RISO, MINHAS PONTES "

Partilhar a dor, o riso e as pontes que se interligam nesse parâmetro,
só se faz por amor!

Espero que a pessoa amada, corresponda Á toda esta sensibilidade que realmente não dá para caber num só lugar!

Maravilhoso!

Beijos

Mirse