sábado, 8 de novembro de 2008

LOBÃO TEM RAZÃO?






LOBÃO NÃO GOSTA DE CHICO BUARQUE, DIZ COISAS QUE NEM UM MARIDO TRAÍDO PELO CHICO, QUE O PEGASSE NA CAMA COM SUA MULHER PODERIA DIZER SOBRE O CARIOCA.
CHICO BUARQUE NÃO ESCREVE POESIA EM LIVROS, MAS É UM POETA DE FATO.

O que será? Que Será?
Que vive nas idéias
Desses amantes
Que cantam os poetas
Mais delirantes
Que juram os profetas
Embriagados
Está na romaria
Dos mutilados
Está nas fantasias
Dos infelizes
Está no dia a dia
Das meretrizes
No plano dos bandidos
Dos desvalidos
Em todos os sentidos
Será, que será?
O que não tem decência
Nem nunca terá!
O que não tem censura
Nem nunca terá!
O que não faz sentido...

BOM, SE ISSO NÃO É POESIA, O QUE É ENTÃO?
CHICO É UM QUASE-GÊNIO (É MARCELO, ACHEI UMA SOLUÇÃO LINGUÍSTICA GENIAL PARA DENOMINAR O CARA QUE ESTÁ MIL VEZES ACIMA DE MIM, E MIL OUTRAS ABAIXO DE SHAKESPEARE), ELE É O ÚNICO CANTOR DE MÚSICA POPULAR, QUE RETIRADA A MELODIA, O RÍTMO E A HARMONIA, SOBREVIVE. CHICO É FANTÁSTICO E FAZ VER QUE NELSON RODRIGUES ERROU AO DIZER QUE TODA UNANIMIDADE É BURRA, CHICO MOSTRA QUE NÃO, QUE HÁ GRANDES HOMENS QUE SÃO RECONHECIDOS EM VIDA.
LOBÃO FOI HOMENAGEADO POR CAETANO (OUTRO QUASE -GÊNIO, DIRIA QUE ESSE UM POUCO ACIMA DO BUARQUE, EM INTELIGÊNCIA, NÃO COMO LETRISTA E MÚSICO)EM UMA CANÇÃO CUJO TÍTULO É: LOBÃO TEM RAZÃO.
SE TINHA PERDEU, SE TINHA, AGORA NÃO MAIS.
QUEM É LOBÃO?
QUEM É CHICO BUARQUE?

Ela adora me fazerDe otárioPara entre amigasTer o que falarÉ a onda da paixãoParanóica!Praticando sexoComo jogo de azar...Uma noite ela me disse"Quero Me Apaixonar"Como quem pede desculpasPrá si mesmoA paixão não tem nada a verCom a vontadeQuando bate é o alarmeDe um louco desejo...Não dá para controlarNão dá!Não dá prá planejarEu ligo o rádioE blá, bláBlá, blá, blá, bláEu te amo!Não dá para controlarNão dá!Não dá prá planejarEu ligo o rádioE blá, blá... (Eu te amo)Sua vida burguesaÉ um romanceUm roteiro de intrigasPrá Fellini filmarCercada de drogasDe amigos inúteisNinguém pensariaQue ela quer namorar...Reconheço que elaMe deixa inseguroSou louco por elaE não sei o que falarO que eu quero é queEla quebre a minha rotinaQue fique comigoE deseje me amar...Não dá para controlarNão dá!Não dá prá planejarEu ligo o rádioE blá, bláBlá, blá, blá, bláEu te amo!Não dá para controlarNão dáNão dá prá planejarEu ligo o rádioE blá, blá, blá, bláBlá, blá, blá, blá...(2x)Não dá para controlarNão dá!Não dá prá planejarEu ligo o rádioE blá, bláBlá, blá, blá, bláEu te amo!Não dá para controlarNão dáNão dá prá planejarEu ligo o rádioE blá, blá...


ESSE É O LOBÃO.





Súbito me encantou
A moça em contraluz
Arrisquei perguntar: quem és?
Mas fraquejou a voz
Sem jeito eu lhe pegava as mãos
Como quem desatasse um nó
Soprei seu rosto sem pensar
E o rosto se desfez em pó

Por encanto voltou
Cantando a meia voz
Súbito perguntei: quem és?
Mas oscilou a luz
Fugia devagar de mim
E quando a segurei,
gemeu
O seu vestido se partiu
E o rosto já não era o seu
Há de haver algum lugar
Um confuso casarão
Onde os sonhos serão reais
E a vida não
Por ali reinaria meu bem
Com seus risos, seus ais, sua tez
E uma cama onde à noite Sonhasse comigo
TalvezU
m lugar deve existir
Uma espécie de bazar
Onde os sonhos extraviados
Vão pararEntre escadas que fogem dos pés
E relógios que rodam pra trás
Se eu pudesse encontrar meu amor
Não voltava
Jamais



E ESSE É O CHICO.





AGORA ME CALO.

2 comentários:

Mirse disse...

Puxa! Quando achei absurdo o Lobão se atrever a dizer o que disse e falei para você, recebi como resposta: Minha querida, quem tem boca fala o que quer. Me arrependi pelo comentário que na hora me pareceu como simples bla, bla, bla. Não sabia eu, que vindo aqui iria me deparar com esta postagem maravilhosa, que dá nome aos bois, e que compara as poesias de dois grandes gênios com as do Lobão. Nunca tinha lido uma letra composta por ele. Sei que é polêmico, que é diferente, que tem uma produção independente e que atá pouco tempo atrás usava drogas. Fora disso, só o vejo na rua de bermuda e havaiana.

Parabéns, Wellington1
Como sempre uma bela postagem
Beijos
Mirze

Marcelo Novaes disse...

Olá, amigos.


O que Lobão tem de melhor, talvez seja andar de bermudas e havaianas.
Pudesse eu, faria o mesmo. Lobão pretende ser uma pergunta-ambulante.
É um bom questionador, quando para pra ouvir as respostas. Usar maconha também é o de menos. Soninha Francine o fez. Lobão é um cara de alguns acordes e frases ( Vida louca vida, vida breve..., já que eu não posso te levar, quero que você me leve...; isso bem antes de Zeca Pagodinho ). Pretende ser uma pergunta, e uma pergunta gutural, como tenta cantar. Às vezes, consegue. Lobão não teria de ser comparado a Chico, nem a Caetano, mas a caras de sua geração, que lhe são ( ou foram ) muito superiores: Cazuza, Nando Reis, Frejat, Lenine, Paulinho Moska, Herbert Viana, Renato Russo. Sinto dizer, mas até Dinho Ouro Preto ( do Capital Inicial ) é superior a Lobão. Dado Villa Lobos ( do extinto Legião Urbana ), lhe é superior. Lobão reclama do "parnasianismo" de Chico, "mais antiquado que Olavo Bilac" ( sic). Acerta quando aponta para as insuportáveis manias de João Gilberto, que não aceita ser contrariado em seus mínimos caprichos. Nisso acerta. No mais, já falou de Gil ( anos-luz de distância à sua frente ), de Caê ( que lhe homenageou após ser homenageado...), de Chico, João Gilberto, Maria Rita... Lobão sabe pedir desculpas, quando vê que erra. Dentro de seus critérios.

Lobão talvez pretendesse só ser um uivo dentro da noite. Talvez lhe bastasse. E já seria muito...


Lágrima no escuro...

Mágica no absurdo...






Marcelo Novaes