quinta-feira, 30 de abril de 2009

MOACY CIRNE, O POETA DE SI MESMO.





MOACY
CIRNE, ONTEM ME FEZ CHORAR. E VEJA BEM , NÃO É NOVIDADE MINHA LENDÁRIA MASCULINIDADE, MINHA INCAPACIDADE PARA A VIADICE, MINHA TOTAL APRECIAÇÃO PELO SEXO OPOSTO, MINHA REPUGNÂNCIA PELO MESMO SEXO, PARA FINS DE SEXO.
DADOS OS DEVIDOS E NECESSÁRIOS ESCLARECIMENTOS, VAMOS AO FATO, ELE ONTEM FOI POETA DE SI MESMO, FOI GENIAL EM EXISTIR, FOI UM POEMA QUE ESCREVE.
EM QUE CONSISTE TAL FEITO? EM NADA, OU EM TUDO, PARA TODO MUNDO , NADA, PARA MIM TUDO. NELSON RODRIGUES CONTAVA QUE UM PORTUGUÊS QUE MORAVA NO RIO E TORCIA PELO VASCO, NAS VITÓRIAS OU DERROTA DO GIGANTE A COLINA, OLHAVA O CÉU E DIZIA: O VASCO, AH O VASCO!
ISSO PARA MIM É A POESIA, O AMOR SEM LÓGICA, SEM MOTIVO,SEM SENTIDO, O AMOR PELO AMOR.
MOACY CIRNE ONTEM MONTOU TORCIDA PARA QUE UMA BARRAGEM SANGRASSE, OLHA,  ISSO PARA MIM, É ALGO DE REVELADOR, DE MÁGICO. PARA MIM ESSE CARA É UM GIGANTE. SERIA O MAIS IDIOTA DOS PALERMAS IDIOTAS, SE PRETENDESSE COM ESSE GESTO, O QUE CAUSOU EM MIM, MAS FOI NATURAL, FOI POR AMOR A ALGO SUPERIOR A TUDO. 
UMA SANGRIA DE BARRAGEM PARA O INTERIOR DO NORDESTE NÃO É UMA COISA COMO UMA FESTA, OU UMA ALEGRIA QUALQUER, É TUDO, É A MAIS QUE O QUE PODE A IMAGINAÇÃO SE QUEM NÃO CONHECE O NORDESTE. 
QUANDO CHEGUEI AQUI, EU SOU CARIOCA, FUI MORAR NUMA CIDADE DO INTERIOR CHAMADA POR IRONIA: AFOGADOS DA INGAZEIRA, A GRANDE ATRAÇÃO DESSA CIDADE FOI A BARRAGEM DE BROTAS, NÃO SE TEM A IDEIA DE COMO OS SERTANEJOS FALAVAM DESSA BARRAGEM, ERA COMO SE NÃO TIVESSE SIDO CONSTRUÍDA, COMO SE NÃO FOSSE OBRA HUMANA, ERA COMO SE DEUS TIVESSE LEVANTADO OS LINDO PAREDÕES DELA. ISSO É MOTIVO  DE CHORAR?  MEU CARO, É, É SIM. E NÃO TENHO VERGONHA DE NENHUMA LÁGRIMA DERRAMADA ATÉ HOJE, PORQUE NENHUM FOI POR CRIME, ALGUNS POR ARREPENDIMENTO, MAS NENHUMA POR CRIME, E LHE SOU CINSERO E VERAZ: PREFIRO MIL VEZES CHORAR POR UMA SANGRIA DE BARRAGEM, E PARECER UM IMBECIL, DO QUE FERIR ALGUÉM, E COMETER QUALQUER CRIME. NÃO SOU SANTO, EU NÃO PRESTO, MAS NÃO SOU FRIO, E CHORO QUANDO ME TOCA ALGUMA COISA, E QUASE TODO DIA ALGO ME FAZ CHORAR, MAS É DE ALEGRIA, DE AMOR PELA VIDA, POR MINHA FAMÍLIA, E POR MEUS AMIGOS. SOU FELIZ COM O QUE TENHO E COM O QUE SOU. MINHA DOENÇA NÃO ME ABATEU, NEM ABATERÁ, E SOU BREGA SIM,  E TODA VEZ QUE ME EMOCIONO AGRADEÇO A DEUS, POIS ESTOU VIVO, NÃO ESTOU ANESTESIADO. SALVE MOACY, GRANDE MOACY, UM CARA QUE MONTA TORCIDA PELA SANGRIA DE UM BARRAGEM. UM GRANDE CARA.

3 comentários:

Mirse disse...

Puxa! Até eu me emocionei!

Através de jornais, revistas, e mídia, enfim, vê-se por um lado a seca, e por outro o nordeste todo sendo irrigado.

Ontem quando vi as fotos da sangria (nem sabia que assim chamavam) e como estava chorando, postei acho que estou "sangrando como o açude".

è uma bênção. Tres. O Moacy torcer e acontecer, eu participar e você Well se comover.

Moacy é grande! E vc Wellington, maior ainda!

Beijos aos dois

Mirse

Moacy Cirne disse...

Cara, quem agora - mais uma vez - se emocionou pra valer, com lágrimas nos olhos, fui eu, com o seu texto.
Grato, grato.

Um grande abraço.

YaRa disse...

Você está VIVO...e é o nosso presente